Está aqui

Jaeger-LeCoultre: Reverso comemora 80 anos

Notícia

Aquele que é indubitavelmente um dos relógios mais famosos de sempre celebra em 2011 o seu 80º aniversário. O Reverso, que ao longo das décadas completou o pulso de várias figuras históricas, como o Rei Eduardo VII de Inglaterra, ou a célebre aviadora Amelia Earhart, mantém-se tão atual como sempre, e para comemorar a efeméride, a Jaeger-LeCoultre lançou uma nova edição especial do modelo.

A sua patente foi registada em 4 de Março de 1931, como um relógio de pulso que é capaz de deslizar pela sua base e rodar sobre si próprio. Desde então, o mítico Reverso tornou-se não só o mais carismático modelo da Jaeger-LeCoultre, mas um ícone da própria relojoaria. São inúmeras as versões e variações que a marca produziu ao longo destes 80 anos, muitos deles personalizados.

Originalmente, os relógios Reverso foram criados para os jogadores de polo, de forma a que o seu mostrador pudesse ser protegido dos choques e impactos ocasionados pela prática desse desporto. Ao poder ser revertido, este problema não só ficava resolvido, como permitia até uma gravação especial que poderia ser exibida pelo seu portador.

Fiel ao espírito que esteve na génese do relógio Reverso, a Jaeger-LeCoultre lançou um conjunto de edições comemorativas que são réplicas exatas do modelo original, apenas com um tamanho mais contemporâneo:  o Grande Reverso Ultra-Thin Tribute to 1931.

Tal como o original, esta edição comemorativa surge com caixa em aço e mostrador negro, com os marcadores de horas e minutos a seguirem o estilo Art Deco contemporâneo da época. Às 12 horas está gravado o nome Reverso, com o lettering original do modelo de 1931. Está também disponível uma edição limitada a 500 exemplares, com caixa em ouro rosa e mostrador prateado, e ainda uma edição ainda mais limitada, disponível apenas na boutique de Beverly Hills, que difere apenas em pequenos pormenores – mas que podem fazer toda a diferença: ponteiros retos e aspeto envelhecido, e uma pulseira em pele feita à mão por Eduardo Fagliano, o principal fabricante mundial de botas para polo. Esta restrita edição estará limitada, em 2011, a apenas 100 exemplares não numerados, e será comercializada por $7250 (cerca de €5000 | R$ 11,500).

Relativamente ao interior deste marco da relojoaria, é alimentado pelo Calibre 822, manufaturado pela Jaeger-LeCoultre, de corda manual e 21,600 vibrações horárias, englobando um total de 134 peças e 21 joias, com carga máxima de 45 horas. Tal como o nome indica, estamos perante um modelo ultra fino – o relógio em si tem uma espessura de apenas 7,2 milímetros, com o movimento de apenas 2,94 milímetros!

Para perpetuar a história do Reverso, a Jaeger-LeCoultre criou também um museu virtual, no qual figura não só o legado destes 80 anos, mas também alguns exemplares, desde modelos que pertenceram a figuras históricas, até modelos de meros anónimos. Pois foi também graças a eles que o Reverso atingiu o estatuto que tem. Visite o Museu Virtual do Reverso aqui.