Está aqui

Omega Skeleton Central Tourbillon – será o relógio perfeito?

Notícia
Omega Skeleton Central Tourbillon

Pensemos no relógio perfeito. Um relógio preciso que ofereça uma exactidão fiável na apresentação do tempo; tecnologicamente arrojado, talvez com uma característica única; esteticamente irrepreensível, belo como poucos o serão; e, para ser perfeito, será provavelmente tão único quanto fisicamente possível. O Omega Skeleton Central Tourbillon preenche inteiramente todos estes requisitos. Será o relógio perfeito?             

A fiabilidade da sua exactidão é já característica da marca. O movimento automático co-axial da Omega é já uma instituição por si só, criado há décadas atrás e que equipa hoje a generalidade dos relógios da marca. Uma performance exacta que lhes garante o certificado por parte da C.O.S.C.; o Skeleton Central Tourbillon, também equipado com o movimento co-axial, ostenta também a certificação “cronómetro”.

Tecnologicamente, este Omega é irrepreensível. Focado no turbilhão, complicação clássica de exactidão, o Skeleton Central Tourbillon não se limita a incorporar esta peça que ao longo dos tempos se tornou símbolo da sabedoria do relojoeiro, e levou-o mais além. Neste relógio, o turbilhão surge pela primeira vez – e para já, única – numa posição central, algo nunca tentado ou conseguido por qualquer outra marca.

O posicionamento inédito do turbilhão teve, claro, consequências estéticas, brilhantemente resolvidas. Os ponteiros de horas e minutos, que devido ao turbilhão não poderiam estar centrados, assentam em dois discos que rodeiam a jaula de titânio dessa peça, deslizando sobre o mecanismo num belo efeito, parecendo flutuar por cima dos componentes que constituem este relógio.

O pormenor estético não se fica por aqui. O movimento do tipo esqueleto permite observar todo o esplendor das suas 320 peças, de aspecto enegrecido e dourado, quer à frente, quer no verso, através de vidro safira anti-reflexo. A caixa é também ela extremamente atraente, totalmente feita em platina.

Finalmente, porque a perfeição é coisa rara, também este relógio o será. Para começar, esta edição é limitada a 18 exemplares, mas a unicidade de cada exemplar vai muito mais além.

Cada relógio é individualmente montado por um mestre relojoeiro, ficando-lhe eternamente associado através da sua assinatura, na base do turbilhão. Sempre que um Skeleton Central Tourbillon regressar à Omega para qualquer serviço de reparação ou manutenção, será devolvido ao mestre responsável pela sua montagem, numa relação única entre criador e criação.

Cada Omega Skeleton Central Tourbillon Co-Axial Platinum Limited Edition (assim é o seu nome completo) resulta de 540 horas de trabalho por parte do seu mestre. Cada exemplar é único, belo, preciso e incorpora a tecnologia ancestral que caracteriza a alta-relojoaria.

Que mais se pode pedir do relógio perfeito?

Marca: